No programa Os dias da minha mocidade, exibido na quinta-feira (27) de junho de 2024, no canal do YouTube da Igreja Cristã Maranata, o tema do jejum foi novamente abordado em sua segunda parte. Apresentado pelo Pastor Josias Júnior e com a participação do grupo de jovens, da irmã Andréia Talma, responsável pela mediação, e do Pastor Marcelo Ferreira, o programa explorou a importância do jejum como um meio de graça na vida do cristão.

O Pastor Marcelo Ferreira iniciou a discussão ressaltando que o ministério de Jesus começou com um período de jejum, enfatizando a consagração que este ato representa. A passagem de Mateus 4:1-2, onde Jesus jejua por quarenta dias e quarenta noites no deserto, serve como um exemplo claro da seriedade e do propósito espiritual do jejum.

Durante o programa, foi destacado que o jejum não é apenas uma prática de abstenção de alimentos, mas uma oportunidade de se dedicar mais profundamente à oração e à busca de Deus. Como mencionado em Isaías 58:6, o verdadeiro jejum é aquele que leva à libertação espiritual e à justiça: “Porventura não é este o jejum que escolhi, que soltes as ligaduras da impiedade, que desfaças as ataduras do jugo, e que deixes livres os quebrantados, e despedaces todo o jugo?”

A interação entre os jovens e os pastores destacou diversos testemunhos pessoais sobre como o jejum tem impactado suas vidas espirituais. Muitos relataram momentos de grande intimidade com Deus, crescimento espiritual e respostas a orações durante os períodos de jejum.

O Pastor Josias Júnior enfatizou que o jejum deve ser realizado com um coração sincero e não para exibição pública. Jesus ensina sobre o jejum secreto: “Tu, porém, quando jejuares, unge a tua cabeça e lava o teu rosto, para não pareceres aos homens que jejuas, mas a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.”

Outro ponto importante abordado foi a disciplina e o autocontrole que o jejum ensina aos fiéis. Ao abster-se de alimentos, os cristãos aprendem a submeter suas vontades ao Espírito Santo, fortalecendo sua fé e resistência contra as tentações, como observado em 1 Coríntios 9:27: “Antes, subjugo o meu corpo e o reduzo à servidão, para que, pregando aos outros, eu mesmo não venha de alguma maneira a ficar reprovado.”

Para finalizar, o Pastor Marcelo Ferreira ressaltou que o jejum deve sempre ser acompanhado de oração e leitura da Palavra, criando um ambiente propício para ouvir a voz de Deus e receber suas orientações. Ele incentivou os jovens a incorporarem o jejum em suas vidas de maneira regular e disciplinada, como um meio de graça poderoso para se aproximarem mais de Deus e experimentarem Seu poder em suas vidas diárias.

No final do artigo, o link para o vídeo do programa está disponibilizado, para aqueles que quiserem assistirem e aprofundarem ainda mais seu entendimento sobre este tema tão importante na caminhada cristã. Que possamos, como Igreja, compreender e praticar o jejum com sabedoria e discernimento, buscando sempre a vontade de Deus em nossas vidas.

Assista ao vídeo:

YouTube video